adUnit

Bento XVI nomeia bispos auxiliares de São Paulo e Vitória

O papa Bento XVI nomeou Júlio Endi Akamine bispo auxiliar da arquidiocese de São Paulo (SP), e José Aparecido Hergesse bispo auxiliar da arquidiocese de Vitória (ES), informou nesta quarta-feira o Vaticano em comunicado.

4 de maio de 2011 | 09h56 | atualizado às 10h50

O papa Bento XVI nomeou Júlio Endi Akamine bispo auxiliar da arquidiocese de São Paulo (SP), e José Aparecido Hergesse bispo auxiliar da arquidiocese de Vitória (ES), informou nesta quarta-feira o Vaticano em comunicado.

Júlio Endi Akamine nasceu em 20 de novembro de 1962 na cidade de Garça (SP) e fez seus estudos de filosofia na Universidade Católica do Paraná, em Curitiba, e teologia no Studium Theologicum, na mesma cidade. Ele foi ordenado padre em 4 de julho de 1988 e, posteriormente, fez mestrado e doutorado em Teologia Sistemática pela Universidade Gregoriana, em Roma.

Já José Aparecido Hergesse nasceu em 15 de julho de 1957 em Paranapanema (SP) e ingressou na Ordem dos Clérigos Regulares em 1983. Hergesse estudou na Faculdade de Filosofia Mosteiro de São Bento, em São Paulo, e cursou teologia na Universidade Pontifícia Gregoriana, em Roma. Em 26 de janeiro de 1985, foi ordenado sacerdote e, em seguida, formou-se pela Pontifícia Faculdade Teológica Nossa Senhora da Assunção e em Teologia Bíblica na Universidade Pontifícia Gregoriana. Desde 2010, é conselheiro-geral e presidente da Família e Comunidade Vida e Secular Chieti e procurador-geral da Ordem dos Clérigos Regulares da Santa Sé.

Bento XVI também aceitou a renúncia do arcebispo de Campo Grande (MS), Vitório Pavanello, e nomeou como seu sucessor para o cargo na arquidiocese dom Dimas Lara Barbosa, até agora bispo auxiliar do Rio de Janeiro. Dom Dimas nasceu em Boa Esperança (MG) e, antes de iniciar sua formação como sacerdote, se graduou em Engenharia Eletrônica no Instituto Tecnológico de Aeronáutica.

Barbosa estudou filosofia no Instituto de Filosofia São Bento, em São Paulo, e teologia no Instituto de Teologia Sagrado Coração de Jesus, em Taubaté (SP). Em Roma, fez doutorado em Teologia Sistemática na Universidade Gregoriana de Roma. Nascido em 1º de abril de 1956, o religioso foi ordenado padre em 3 de dezembro de 1988. Em 2 de agosto de 2003 foi nomeado bispo auxiliar do Rio de Janeiro, cargo que ocupava até agora, assim como o de secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

por: EFE
adUnit PUBLICIDADE
adUnit
  © 2018 Terra Networks S.A Versão clássica